Audi 100

1982-1990 de lançamento




Audi 100
+1.1. Administrações e dispositivos
+2. Características técnicas
+3. Motores
+4. Esfriamento de sistema
+5. Sistema de escape
+ 6. Sistema de provisão de poder
- 7. Transmissão
   +7.1. União
   +7.2. Mechanical drive de apagamento de união
   +7.3. Hydraulic drive
   -7.4. Transmissão
      +7.4.1. Transmissão de quatro velocidades de 014 tipo
      +7.4.2. 013 ou 093 transmissão de cinco velocidades
      -7.4.3. Transmissão de cinco velocidades dos tipos 016 e 012
         7.4.3.1. Remoção e instalação da transmissão
         7.4.3.2. Desmontagem da transmissão
         7.4.3.3. Cabo principal
         7.4.3.4. Desmantelar-se e reunião de um cabo secundário
         7.4.3.5. Reunião da transmissão
      +7.4.4. Mecanismo de gestão de deslocamento de engrenagem de KP de 016 tipo
      +7.4.5. Câmbio automático
   +7.5. Passeio de rodas avançadas
+8. Gerência de engrenagem
+9. Direção
+10. Sistema de freios
+11. Corpo
+12. Equipamento elétrico



fc658ed2





7.4.3. Transmissão de cinco velocidades dos tipos 016 e 012

INFORMAÇÃO GERAL

Transmissão de 016 tipo

1 – o caso de transmissão reuniu-se;
2, 3 – pinos;
4 – rolha;
5 – braçadeira;
6 – alfinete;
7 – caso de união;
8 – pino;
9 – lavador;
10 – diferencial;
11 – cobertura de caixa diferencial;
12 – metade de flange de cabo;
13 – pino;
14 – comutador de transferências;
15 – colocação;
16 – cobertura;
17 – lavador;
18 – pino;
19 – cabo principal;
20 – alfinete;
21 – vara de um garfo de comutação das 3as e 4as transferências;
22 – vara de um garfo de comutação das 1as e 2as transferências;
23 – liderança;
24 – alfinete;
25 – garfo de comutação das 1as e 2as transferências;
26 – cabo secundário;
27 – alfinete de primavera;
28 – garfo de comutação das 3as e 4as transferências;
29 – pino restritivo;
30 – lavador;
31 – vara de um garfo de comutação da 5a transferência e apoio;
32 – ajuste de lavador;
33 – roda de engrenagem da 5a transferência;
34 – lavador;
35 – pino;
36 – garfo de inclusão da 5a transferência;
37 – alfinete;
38 – anel de fechadura;
39 – anel interno do carregamento;
40 – colocação;
41 – cobertura de transmissão;
42 – anel interno do carregamento;
43 – lavador;
44 – pino;
45 – gorro;
46 – uma nave com uma grinalda de engrenagem;
47 – o anel de bloqueio do sincronizador da 5a transferência;
48 – uma roda de engrenagem da 5a transferência com uma nave de sincronizador;
49 – carregamento de agulha da 5a transferência;
50 – alfinete;
51 – pino;
52 – caso de transmissão;
53 – alavanca de inclusão de um apoio

Fenda axial de uma nave do sincronizador 1 e 2o de transferências de 0,00-0,04 mm. Nos anéis de fechadura de peça sobressalente de 1,50 a 1,60 mm de espessura por cada um 0,05 mm entregam-se.

Fenda axial de uma nave do sincronizador das 3as e 4as transferências de 0,00-0,04 mm. Na peça sobressalente que ajusta anéis de fechadura de 1,50 a 1,62 mm de espessura por cada um 0,06 mm entregam-se.

Fenda axial de uma roda de engrenagem da 1a transferência em secundário a um cabo de 0,10-0,40 mm.

Fenda axial de uma roda de engrenagem da 4a transferência em eleição prévia a um cabo de 0,20-0,35 mm. Nos lavadores de ajuste de peça sobressalente de 1,65 a 1,75 mm de espessura por cada um 0,05 mm entregam-se.

Fenda axial de uma roda de engrenagem da 3a transferência em secundário a um cabo de 0,00-0,04 mm. Nos anéis de fechadura de peça sobressalente de 1,65 a 1,75 mm de espessura por cada um 0,05 mm entregam-se.

Fenda axial de uma roda de engrenagem da 4a transferência em secundário a um cabo de 0,00-0,02 mm. Nos anéis de fechadura de peça sobressalente de 2,24 a 2,40 mm de espessura por cada um 0,02 mm entregam-se.

Fenda axial entre rodas de engrenagem das 2as e 3as transferências em eleição prévia a um cabo de 0,10-0,35 mm.